Compre Agora

quarta-feira, 9 de março de 2011

Integrantes dos blocos Camaleão e Bixo saíram na tapa após resultado


O que iniciou de forma litigiosa, terminou a base de pancadarias entre membros.
O carnaval de Quixadá terminou sem violência na Praça José de Barros, palco principal dos quatros dias de folia. Nas apresentações dos três blocos foram constatadas muita alegria e diversão, a paz entre os foliões foi o destaque, mas após a apuração do resultado do carnaval de Quixadá, o clima mudou e integrantes dos blocos Camaleão & Cia e do Bixo Papão chegaram às vias de fato em plena Praça da Cultura.
Cerca de dez foliões de cada bloco iniciaram um tumulto na praça, sendo que um folião ficou com ferimentos no rosto após ser agredido. Antes mesmo do resultado equipe do FTA-Força Tática de Apoio da Polícia Militar foi acionada para conter a fúria de presentes que queriam quebrar o botão do Centro Cultural Rachel de Queiroz. Gritos de roubos foram mencionados por várias vezes.

Com o anúncio do resultado, o bloco Bixo Papão foi considerado como o campeão para a alegria dos membros e para a revolta dos integrantes do Camaleão, que garantem que foram “roubados”, após esse momento a equipe da Revista Central ainda conseguiu registrar uma briga entre os membros dos dois blocos.
Todo o conflito foi motivo pelas notas da jurada Lucilene Xavier –“Bamba”, cujas não foram somadas. No momento da apuração a todo momento membros dos blocos batiam boca, sendo apaziguada pelo Secretário de Cultura, Henrique Rabelo, que se defende afirmando que a administração não tinha nada a ver com a escolha dos quatros jurados.
O diretor-presidente do Bixo Papão, Walker Gonçalves, mandou os seus foliões comemorar, já o segundo colocado o Camaleão & Cia ficaram inconformados com o resultado e prometem reconhecer, afirmando que não há resultado, “não existe resultado, as notas estão lacradas, portanto, não há vencedor”, garante Arnando Barbosa, diretor do bloco Camaleão que ficou em segundo.

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...