Compre Agora

sábado, 26 de março de 2011

Ilário Marques está sendo blindado pelo partido diante dos desmandos da atual administração


Por Fábio de Oliveira
Marques já afirmou que tem pretensões de ser candidato a prefeito de Quixadá em 2012.
O caos que se instalou no município deQuixadá, está intrinsecamente ligado a dois fatores que considero relevantes, o primeiro a mirabolante estratégia de perpetuação do poder, políticos acostumados aos benefícios que o poder lhes proporcionam tentam a grosso modo infiltrar figuras escabrosas na administração como aconteceu com Ilário Marques que ao sair de 8 longos anos de mandato deixou dentro da atual administração boa parte dos seus testas de ferro comandando pastas importantes e de seu controle pessoal.

A segunda e ainda mais absurda, lava as mãos para os problemas do município como se não tivesse culpa no cartório, ora amigos leitores dessa coluna Política & Ação, tudo que está acontecendo dentro da atual administração tem um pai que colocou até mesmo a indicação do nome Rômulo Carneiro, deiixando para escanteio Cristiano Goes, seu vice de confiança que deveria ser o candidato e foi preparado para tal. Convém lembrar para nossos leitores que o acórdão entre Marques e Rômulo deixou o atual prefeito amarrado, o inexperiente prefeito não conseguiu se quer enxergar que assumiu uma prefeitura quebrada, endividada e com muitas obras inacabadas e com indícios graves de superfaturamento em obras e desvios de recursos.
Pasmem leitores, como o plano de alcançar voos maiores na política não deu certo para Ilário, pois o mesmo foi derrotado para deputado federal, se volta novamente para Quixadá com os olhos de raposa velha, ao deixar a prefeitura naufragada em dividas o nome de Ilário vai surgir como salvador da pátria já que nosso atual prefeito não tem dinheiro nem para fazer uma limpeza ou tapar os buracos da cidade. Surge uma pergunta naturalmente nessa analogia, mas para que Ilário vai querer uma prefeitura quebrada? Resposta intrigante, ele sabe o caminho das pedras, sabe captar recursos embora parte desses recursos não foram aplicados com o zelo de gestão pública proba.
O partido dos trabalhadores em tese está dividido? Que nada! No momento certo Marques saberá conspirar contra atual gestão e convencer seus pelegos de que é a melhor opção para o partido e para a cidade, sua sede pelo poder não poupa pessoas, amigos, parentes e aqueles que podem atravessar seu caminho, essa retórica já faz parte de sua vida política onde seu prestigio nas esferas esfria a cada dia.  A venda do Hotel Municipal, a Estrada do Cedro, hospital Eudásio Barroso, Canal da Rodoviária e Lagoa do Eurípedes, obras milionárias que não foram terminadas e explicadas.
Nem mesmo o Ministério Público e TCM conseguem investigar com tranquilidade as contas do município, vereadores e autoridades locais também blindam esse personagem da história de Quixadá, incrível como as pessoas temem dizer certas verdades e fica eu badalando e "cutucando" que autoridades possam investigar a fundo os desmandos dessas ultimas administrações que delapidaram a maior cidade do Sertão Central. Gostaria também de ilustrar a incompetência da oposição do município, são tão amadores que chegam a ser ridículos, do jeito que vai o homem vai conseguir seu ardiloso jogo de voltar ao poder.

Fabio de Oliveira
Colunista
As opiniões aqui expressas não necessariamente coincidem com a da Revista Central.


Fazemos parte da rede do Portal Revista Central - informação em tempo real com credibilidade. acesse: www.revistacentral.com.br

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...