Compre Agora

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Prefeitura já conseguiu terreno para construção do Hospital Regional

Por Jackson Perigoso
A reportagem que energizou a organização pró-hospital regional em Quixadá.

A semana passada foi marcada por uma larga mobilização dos gestores que fazem a Administração Municipal de Quixadá em busca de obter um terreno com todas as exigências da Comissão de Avaliação para a construção do futuro Hospital Regional do Sertão Central. Após a mais comentada reportagem do portal Revista Central, advertindo que até aquele presente momento a prefeitura de Quixadá não tinha um local para apresentar ao Governo do Estado. No mesmo dia da reportagem o Prefeito Municipal Rômulo Carneiro, buscou de imediato definir um lugar com grande extensão, fácil acesso e boa localização, na Rua Juvêncio Alves, bem próximo da BR-122 (o terreno pertence atualmente ao ex-prefeito Dr. Renato Carneiro).

As cidades pretendentes devem fazer uma apresentação dos motivos pelos quais seu município merece receber a unidade hospitalar. Os municípios apresentarão por toda essa semana, à Secretaria de Saúde do Estado, um terreno em um local bem estratégico, para que o órgão possa analisar a viabilidade in loco.  Atualmente Canindé, Quixadá e Quixeramobim são os únicos que disputam a obra na região.
A construção desse modelo de hospital tem como objetivo evitar que pacientes sejam transferidos para os hospitais de Fortaleza, por causa da distância, muitas pessoas já perderam suas vidas por faltar de um atendimento digno e eficiente, além da falta de estrutura e de pessoas habilitadas nos hospitais municipais de muitas cidades. O futuro hospital contará com um quadro de profissional da mais alta qualificação e todos serão avaliados por via de concurso público e provas de conhecimento prático.
Quixadá aposta na sua infraestrutura para conseguir o Complexo Regional, na apresentação com exposição de um vídeo, os gestores irão abordar além de um mapeamento do crescimento nos últimos anos, vão destacar a futura Policlínica Regional que ainda encontra-se em construção pelo Governo do Estado, a disponibilidade dos estagiários e da estrutura da Faculdade Católica que se arrasta para conseguir o tão sonhado Curso de Medicina, além dos demais cursos na área da saúde. A Comissão vai apresentar ainda o potencial do Hospital e Maternidade Jesus, Maria e José, do Hospital Dr. Eudásio Barroso e do Hemocentro Regional, além de um levantamento técnico elaborado que demonstra veemente que Quixadá é a ‘metrópole’ do Sertão Central.

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...