Compre Agora

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Ciranda de Pedras II: Polícia não dá trégua ao narcotráfico em Quixeramobim


Uma senhora de 72 anos foi presa acusada de favorecimento.
A drogadição tem se alastrado de forma pejorativa na região do Sertão Central cearense, no entanto, as policias Civil e Militar têm de forma aguerrida tirado de circulação inúmeros traficantes e principalmente fechado locais de venda dos produtos ilícitos.
Policiais da Delegacia Civil de Quixeramobim, tendo a frente a Dra. Nila Farias Toscano, conseguiram prender mais integrantes de uma quadrilha que vinha agido de forma livre no município. “Dimenor”, um dos chefes havia sido preso na primeira operação “Ciranda de Pedras”, comandada pelo Delegado Regional Marcos Sandro de Lira. Dessa vez até uma senhora de 72 anos que está sendo acusada de favorecimento ao trafico encontra-se presa.

Era por volta de meio dia da última sexta-feira quando policiais Civis e do Ronda foram até a um restaurante no Mercado Público cumprir Mandado de Prisão Preventiva para duas pessoas acusadas de tráficos de drogas. Chegando lá estavam Leandro Vieira Lemos, vulgo “Pinpin”, 20 anos, e Ana Cláudia Rodrigues, vulga “Loira”, 29 anos, o casal recebeu voz de prisão dentro do estabelecimento. A polícia foi até a residência dos acusados e encontrou muitas drogas e armas de fogo escondidos no quintal da casa.
Com a ordem de busca e apreensão, policiais foram até a residência dos acusados que fica localizada na Rua Antonio Conselheiro, no Centro, e lá encontraram muitos entorpecentes, a avó do Pinpin de 72 anos foi presa acusada de favorecimento ao narcotráfico. Na residência havia aproximadamente meio quilo de maconha prensada, 40 gramas de cocaína, 104 ampolas de cocaína, 64 pedras de crack já embaladas, além de dois revolveres calibre 38, 13 cápsulas de calibre 38, 15 de pistolas 310 e 4 de espingarda, um celular e uma balança de precisão. Foi também apreendida uma gaiola com o campina. Todo o material ilícito estava enterrado no quintal. De acordo com a Delegada Dra. Nila Toscano, Pinpin é considerado como chefe do “Dimenor”.
Ainda na cidade a polícia conseguiu prender Rafael Rodrigues Lopes, vulgo Rafinha, 20 anos, e a sua namorada de 14 anos, M.R.P.S. e o menor de 15 anos, A.R.S., eles são acusados de trabalhar também para o tráfico, com o trio foi apreendido 60 pedras de crack, R$ 189,00 reais, papelotes de maconha e de cocaína.
Dra. Nila Farias Toscano, falou com a reportagem do portal Revista Central, disse que o trabalho em busca de fechar as bocas de fumo na cidade continua e prometeu novas prisões em breve, “sem dúvida novas prisões serão efetuadas, nosso objetivo é combater o tráfico de drogas na cidade”, frisou. Esta operação foi batizada como “Ciranda de Pedra II”.

Confira as imagens na RC TV: 
Mais Informações: Delegacia de Polícia Civil de Quixeramobim
Rua Dr Miguel Pinto, 100
(88) 3441-0302

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...