Compre Agora

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Bando invade presídio e resgata sequestrador e mais 9 bandidos


Polícia ainda procura pelo grupo que conseguiu fugir do presídio em uma ação ousada.
Três presos resgatados do Instituto Penal Professor Olavo Oliveira (IPPOO II), em Itaitinga, são acusados de envolvimento com o assalto ao Banco Central de Fortaleza, em agosto de 2005. Eles conseguiram fugir em uma ação ousada registrada na tarde deste sábado (05), realizada por dez homens armados, deixando um policial militar baleado e agentes penitenciários feridos. Outros cinco presos, entre eles o bandido conhecido como Alex Gardenal, também fugiram.
Os nomes dos fugitivos envolvidos com furto ao Banco Central:
Edésio Batista das Neves Sobrinho
Fernando Carvalho Pereira
Marcos Rogério Machado de Moraes

Outros presos resgatados na ação:
Alex Gardenal
Antônio Reginaldo de Araújo
Edson Barbosa Andrade da Silva
Francisco das Chagas Rodrigues
Francisco Edverton Amaral Honório
Francisco Mauro Gean de Lima
Rosiélio Chaves Vieira
A ação
No início da tarde deste sábado, dez homens em dois automóveis (uma Hilux verde e uma L-200 preta), chegaram ao IPPOO II para tentar resgatar presos. Um deles se passou por visitante e rendeu dois agentes.
Em seguida, outros membros do grupo entraram armados e resgataram os presos. Houve troca de tiros com os policiais miltares que fazem a segurança do local.
A equipe da TV Jangadeiro apurou dois fatos que chamam a atenção. O primeiro é que durante a ação, os advogados dos fugitivos Alex Gardenal e Edésio Batista das Neves Sobrinho estavam no presídio. O segundo é que dono de um trailer de lanches viu um homem passar informações sobre a segurança do IPPOO II por celular, minutos antes do tiroteio.
Ao fugirem, o bando ainda tentou levar agentes penitenciários como reféns, mas desistiu. Eles acabaram atropelando um motoqueiro, que está gravemente ferido.
Os dois carros utilizados no resgate foram abandonados e encontrados pela Polícia, na rua Boa Esperança, no bairro Santo Antônio, na cidade do Eusébio (Região Metropolitana de Fortaleza). Na Hilux foram encontradas munição para fuzil 556 e uma pistola 9 milímetros. Os bandidos tomaram outros carros de assalto, um Prisma prata e um Santana Branco, e continuaram a fuga.
Após o tiroteiro, houve uma vistoria na Vivência I, onde foram encontrados oito revólveres calibre 38. O comandante da Polícia Militar, Werisleyk Matias, e o superintendente da Polícia Civil, Luiz Carlos Dantas, foram à unidade. O grupo ainda é procurado pela Polícia.
Com informações do site Jangadeiro Online.

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...