Compre Agora

terça-feira, 5 de abril de 2011

Secretaria de Saúde declara Quixadá e mais 26 municípios com epidemia de dengue

Por Jackson Perigoso


Dois óbtos já foram registrados na região do Sertão Central e três municípios estão na lista. 


Indicadores mostram que 27 municípios cearenses estão vivendo uma epidemia de dengue. Com base na Nota Técnica da Situação Epidemiológica da Dengue no Ceará, divulgada nesta segunda-feira, 4, pela Secretaria da Saúde do Estado o quadro de epidemia se concentra nos municípios que ultrapassaram o limite de incidência de 300 casos de dengue por 100 mil habitantes e em municípios que estão com 1 ou mais óbitos confirmados. Em cinco dos 27 municípios a preocupação é maior: Acarape, Chorozinho, Icó, Itapipoca e Tejuçuoca. Estão com alta incidência da doença e ainda com óbitos confirmados. Fortaleza está com 53 bairros com incidência acima do limite e quatro óbitos.


A Secretaria da Saúde confirma, também, a transmissão de dengue em 152 municípios do Ceará, o que caracteriza, segundo a Nota Técnica, alta dispersão e alta transmissão. A reintrodução do vírus do tipo 1 da dengue no Estado vem ocasionando surtos epidêmicos em vários municípios, mesmo antes do período de maiores chuvas, diz a Nota. O número elevado de casos graves – na proporção de um caso grave para 72 não graves – caracteriza-se como a maior proporção de toda a história das epidemias no Ceará, nos anos de 1987, 1994, 2001 e 2008. Para confirmar o quadro de epidemia em 27 municípios, a Secretaria da Saúde também levou em conta o número elevado de óbitos e a constatação preliminar, pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), de dois casos de dengue do tipo 4, em Fortaleza e Morada Nova, que nunca circulou no Ceará.

Capacitações

Desde a última segunda-feira, 28, a Secretaria da Saúde do Estado, em apoio aos municípios, encaminhou 15 técnicos para uma força tarefa focada na assistência aos pacientes. Os técnicos capacitam e atualizam médicos e enfermeiros das unidades de saúde no diagnóstico precoce,a partir do aparecimento de febre aguda, chamando a atenção para os sinais de alarme na fase do terceiro ao quinto dia da doença. Ainda na área capacitação de profissionais, no início de março, a Sesa trouxe ao Ceará um dos maiores especialistas em dengue, o médico Eric Martinez, que capacitou médicos e enfermeiros de sete hospitais. No ano passado foram realizadas sete treinamentos com médicos pediatras para tratamento às crianças com suspeita de dengue e para evitar óbitos infantis. 

Nos últimos seis meses, com objetivo de mobilizar gestores e alertar profissionais sobre situação de epidemia foram elaboradas e lançadas três notas técnicas.

Mobilização social

As ações de mobilização e de conscientização da população sobre os cuidados com a proliferação do mosquito, desde outubro do ano passado, foram intensificadas. O Comitê Estadual de Mobilização contra a Dengue foi ampliado de 18 para 26 instituições, incluindo a Federação das Indústrias do Estado do Ceará. A FIEC lançou a campanha “Indústria sem dengue”, mobilizando 11 mil trabalhadores. Outra ação da Sesa foi a “Caravana da Dengue”, que duas vezes percorreu às três macrorregiões do Estado (Juazeiro do Norte, Sobral, Fortaleza). Em todas, a Secretaria da Saúde do Estado alertava sobre os riscos de epidemia e que os municípios precisavam acelerar e qualificar o trabalho focal no controle do mosquito Aedes aegypti durante a visita casa a casa dos agentes sanitaristas dos municípios. Nos últimos 15 dias de março, 10 municípios, com óbitos confirmados, foram visitados pelo secretário Arruda Bastos e um grupo de técnicos da Sesa.
 Municípios com epidemia de dengue de acordo com a Sesa:
MUNICÍPIOINCIDÊNCIA(por 100 mil hab.)ÓBITOS
Acarape1.236,311
Baixio769,75-
Barreira518,53-
Baturité315,59-
Boa Viagem378,76-
Catunda670,20-
Caucaia14,653
Chorozinho629,031
Coreaú571,56-
Fortaleza95,994
Granja137,131
Guaiúba586,90-
Icó557,871
Itaitinga30,601
Itapipoca670,202
Jucás539,29-
Maracanaú116,521
Massapê443,77-
Monsenhor Tabosa1.094,74-
Ocara284,151
Penaforte501,64-
Quiterianópolis301,47-
Quixadá133,011
Santa Quitéria379,32-
São Gonçalo do Amarante137,132
Tejuçuoca315,261
Varjota1.056,18-



Fazemos parte da rede do Portal Revista Central - informação em tempo real com credibilidade. acesse: www.revistacentral.com.br

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...