Compre Agora

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

PSDB de Quixadá lançará Dr. Mesquita a prefeito de Quixadá

Tudo indica que o tucano Mesquita enfrentará o petista Ilário Marques.
O Partido da Social Democracia Brasileira-PSDB, em Quixadá, não tem conquistado o poder do executivo desde de 1996, a última vitória foi de Francisco Martins de Mesquita, diante dos candidatos Francisco Fernando Cavalcante Barros(PT) e de Gladston Bezerra Carneiro(PSC). Neste processo Dr. Mesquita obteve 16.707 votos, o que representou 52,511%, Fernando foi o segundo colocado com 14.009 ou 44,03% e em terceiro com 1.100 ou 3,457 % dos votos, Gladston Bezerra.

Na eleição de 2000 para prefeito de Quixadá, o PSDB sofreu a sua grande derrota que culminou com outras sucessivamente. Em 2000, os eleitores foram às urnas também com três opções e decidiram retornar José Ilario Gonçalves Marques(PT) ao centro do poder municipal, diante das candidatas Regina Maria Holanda Amorim(PSDB) e Eloneide Alves dos Santos(PL). Marques teve 19.973 ou 63,48% dos votos, contra 10.801 ou 34,32% de Regina Amorim e de Eloneide Santos com 689 ou 2,19%. Essa vitória do PT foi o marco para a desestruturação no ninho tucano na terra dos Monólitos.
Nas eleições de 2004, o PSDB mudou de candidato, mas não conseguiu vencer o pleito que tinha no páreo, José Ilário Gonçalves Marques(PT), Praxedes Marinho Neto(PAN) e José Nilson Ferreira Gomes Filho(PSDB). Ilário chegou obteve 20.180 55,98%, José Nilson 15.623 ou 43,34%, já em último Praxedes Marinho com 242 ou 0,67% de votos. Nesta eleição o petista perdeu 7,5% de votos em comparação com a anterior, já o PSDB mesmo derrotado subiu 9,02%.
Em 2008, foi uma das poucas eleições onde todos os candidatos nunca haviam assumido uma cadeira na chefia do executivo, foi também a eleição onde aumentou o número de candidatos passando para quatro opções. Francisco Roberto Almeida Costa(PP), José Nilson Ferreira Gomes Filho(PSDB), Mônica Maria Castro de Sousa(PSB) e Rômulo Nepomuceno Bezerra Carneiro(PT), foram os nomes lançados e mais uma vez o PSDB não teve sucesso, sendo derrotado pela 3ª pela consecutiva para o PT. Rômulo Carneiro ficou com 22.610 ou 55,74% dos votos, José Nilson com 16.325 ou 40,24%, Mônica Sousa recebeu 1.349 ou 3,33% e Roberto Costa angariou apenas 282 ou 0,70% dos votos validos. O PSDB também perdeu 3,1% em relação a anterior, sendo que o PT também sofreu oscilação de apenas 0,24%.
Para 2012, sabendo que o PT encontra-se em situação delicada, o PSDB vai apostar novamente em Dr. Mesquita, cujo já foi prefeito por duas vezes do município de Quixadá. A primeira aconteceu nos anos de 1989 a 1992, sendo que nesta época Mesquita pertencia ao PDT e por último em 2007 a 2000 pelo PSDB.
A informação foi dada ao portal Revista Central pelo vereador Pedro Baquit, conforme o vereador o partido está firme para enfrentar um novo desafio e ver grandes possibilidades de comandar novamente o poder executivo municipal de Quixadá.
Tudo indica que os tradicionais nomes da política quixadaense voltarão em peso em 2012, isso porque Ilário Marques será possivelmente o candidato do PT e Dr. Mesquita do PSDB. Uma terceira via tenta lançar um nome novo, mas pelo histórico todas as terceiras vias não tiveram sucesso.


Fazemos parte da rede do Portal Revista Central - informação em tempo real com credibilidade. acesse: www.revistacentral.com.br

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...