Compre Agora

domingo, 23 de janeiro de 2011

Correspondente da Revista Central em Ibaretama é ameaçado e constrangido por vereadores


Insultos, acusações, desrespeito ao cidadão e à imprensa.
Mais uma sessão tumultuada! A Câmara Municipal de Ibaretama, no Sertão Central cearense, virou um verdadeiro ringue, não se pode mais falar livremente sobre os vereadores que logo alguns partem para o ataque no plenário daquele poder.
Iniciados os trabalhos de 2011, vereadores colocaram requerimentos importantes para o município cobrando algumas posturas do governo municipal, no entanto, mais uma vez, alguns vereadores voltaram a atacar o correspondente do portal Revista Central e editor do blog Ibaretamanet, Karpegeanne Vieira, os motivos toscos por parte dos parlamentares ainda geraram bate-boca entre as partes, o editor chefe estava presente para conferir a primeira sessão de 2011, mais foi agredido verbalmente por alguns vereadores.

O vereador Aldenor Queiroz trouxe comentários feitos pelo ex-parlamentar João Vieira Picanço, e classificou como desonesta e eleitoreira as publicações feitas pelo blog, o parlamentar se irritou dizendo que o ex-parlamentar não honrava as calças que vestia e isso se estendia ao editor-chefe que havia publicado.
Durante todo o espaço livre a imprensa local foi atacada e o presidente da casa acompanhou tudo sem nenhuma intervenção, a discussão gerou um debate na casa o que não é permitido pelo regimento interno daquele poder, mesmo assim o vereador Carliando Almeida nada fez para evitar e fazer cumprir o regimento.
O vereador Oliveira Filho tomou a palavra de Aldenor Freitas e citou “tem um blogueiro aqui que é ladrão de galinha e nós vamos provar” retomada a palavra Aldenor retrucou “bom, cada um é responsável pelo que diz”. Oliveira deverá provar nas vielas da justiça suas palavras, ele é acusado ainda pelo ex-vereador Picanço de participar de um esquema na câmara.
A população acompanhava atônita a situação vexatória causada por parlamentares daquele poder, os vereadores Valentim, Elíria Queiroz e Joverlane logo deixaram a sessão, o vereador Carlinhos permaneceu sem se pronunciar durante toda a sessão.
No discurso do Vereador José Maria Cunha, vulgo Bebé, ele se dirigiu diretamente ao Karpegeanne Vieira e perguntou “até quando isso vai continuar?” e conclui “isso vai ter que parar” o tom foi entendido por ameaça pelo Editor-Chefe e gerou uma pequena discussão entre os dois. O vereador ainda fez menção em dizer que Karpegeanne Vieira recebia algo do ex-parlamentar João Vieira Picanço, “você veio pra cá porque ele pagou seu aluguel? Pagou o que mais pra você?” indaga o vereador em tom de muita raiva.
Atenção Ministério Público cadê o processo sobre as denuncias de corrupção desses vereadores?

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...