Compre Agora

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Sociólogo italiano é encontrado morto na Serra do Estevão em Quixadá


A morte do ex-professor universitário é tida como misteriosa.
A polícia ainda não sabe exatamente como morreu o doutor em Sociologia e ex-professor universitário da Faculdade Católica Rainha do Sertão, Franco Cailotto, 40 anos, casado, natural da Italia. Ele foi encontrado morto em sua residência no Distrito de Dom Mauricio (Serra do Estevão). Franco tinha problemas com álcool e há informações colhidas pelo Portal Revista Centraldando conta de que a sua saída da instituição superior foi motivada por problemas de saúde, em dezembro segundo informações da polícia ao PortalRevista Central, a sua esposa havia denunciado o mesmo por suposta agressões, porém, retirou a queixa. Cailotto prometeu na época ir embora para seu país de origem.

O fato aconteceu por volta das 17h45min do domingo, 9, quando o cabo Horlando de serviço no subdestacamento do Distrito de Dom Maurício, informou que a esposa Franco Cailotto, Francisca Albertina de Sousa Santos, 28 anos, casada, doméstica, procurou a Polícia Militar dizendo que havia batido repetidas vezes na porta de sua casa chamando o seu marido, e o mesmo não estava respondendo, disse ainda  que após forçar e abrir a porta, e ao entrar na casa se deparou com o corpo de seu marido deitado na cama aparentemente sem vida.
De imediato, o cabo Horlando, juntamente com o soldado Evandro, deslocaram-se ao local e ao comprovar a veracidade da denuncia, solicitou a presença do perito da Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá-DRPCQ, Inspetor Neto Cabral, que após periciar o corpo, declarou que não encontrou nenhuma marca de violência que pudesse causar o óbito. O corpo foi recolhido ao Instuto Médico Legal-IML de Quixeramobim pelo rabecão 12.
O laudo da morte deverá sair em 30 dias, porém, a polícia acredita que o professor tenha cometido suicídio.
Maiores Informações

Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá

Endereço: Rua Brasílio Pinto, 1445, Combate 

Fone: (0xx88) 3445.1047

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...