Compre Agora

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Adolescente de 15 anos é assassinado em Quixadá com uma facada no pescoço

Por Redação
A vítima ainda correu das agressões e buscou socorro, todavia, nada mais poderia ser feito.
O terceiro homicídio registrado pelas autoridades policiais em dezembro no município de Quixadá, Sertão Central cearense, chama a atenção, visto que a vítima trata-se de um garoto de apenas 15 anos de idade, que ao ser perfurado ainda fugiu da fúria do agressor, mas ao receber socorro, não resistiu à lesão e morreu ao entrar no setor de urgência do Hospital Dr. Eudásio Barroso.
O crime aconteceu por volta das 21h0min, teve como vítima José Cassiano de Lima, de apenas 15 anos de idade, natural de Quixadá, residente no bairro Campo Velho (Mutirão). Segundo as informações da Polícia Militar a redação do portal Revista Central, ligações anônimas informavam que um homem correndo do Mutirão tinha caído na Rua Dom Lucas, em frente a uma fábrica de resíduo de algodão, sangrando e pedindo ajuda. A composição da Força Tática de Apoio-FTA, (Filho, Alberto e Mendonça) compareceu ao local e socorreu a vítima, sendo que, morreu em seguida.

Policiais fizeram diligencias na tentativa de identificar e prender o acusado, porém, até o fechamento desta matéria não obtiveram êxito. Agora a polícia conta com a colaboração de testemunhas que possivelmente presenciaram o fato criminoso, para que o assassino seja colocado na cadeia e responda pelo seu ato.
A violência no bairro Campo Velho, com ênfase no Mutirão tem aumentado de forma acelerada, faz-se necessário a presença do Estado para conter as mazelas sociais que invadem e amedrontam os moradores, que convivem socialmente com a zoada da opressão urbana, onde o narcotráfico impera. Não se sabe a justificativa fática que o individuo se motivou a ceifar a vida de um garoto que teria pela frente toda uma história. Sabido é, que o crescimento de Quixadá agregou-se também o pavor dessa realidade social antes só vista nas grandes capitais.
A polícia tem constantemente prendido os transgressores da ordem pública e da boa convivência social, mas como as leis são brandas e o Estado omisso com punições benevolentes para a reincidência criminal. José Cassiano foi à vítima de hoje, deixando a dor e a saudade de familiares e amigos.

Mais Informações:
Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá
Rua Brasílio Pinto, 1445, Combate
(88) 3445-1047
Quartel da Polícia Militar3445-1042  / 190


Fazemos parte da rede do Portal Revista Central - informação em tempo real com credibilidade. acesse: www.revistacentral.com.br

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...