Compre Agora

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Criança é suspeita de contrair gripe “A” na cidade de Quixeramobim

Por Jackson Perigoso
Sobe para 428 casos notificados, além de Quixadá e Quixeramobim ambos com um caso.
O surto da gripe “A” de fato já não é mais só em Pedra Branca, mas nos municípios da região do Sertão Central cearense, após algumas horas que o portal Revista Central descobriu que Quixadá havia registrado um caso, a Secretária Estadual de saúde reconheceu por meio de uma nota publicada em seu site oficial.
“Está sendo investigado no município de Quixadá, Sertão Central, o caso de um paciente que esteve no último final de semana em Pedra Branca, onde está sendo registrado um surto da gripe A H1N1, com 428 casos notificados e 13 confirmados até esta terça-feira, 29. De volta à Quixadá, gripado, o paciente procurou o hospital da cidade. Nesta quarta-feira, 30, será realizada a coleta de material no paciente para exame no Laboratório Central de Saúde Pública - Lacen, unidade da Secretaria da Saúde do Estado.

Um caso também já foi registrado no município de Quixeramobim, conforme as autoridades municipais de saúde, um bebê é até o momento o único caso sob suspeito e que seus pais estiveram na cidade de Pedra Branca, desde então apresentou sintomas. Por telefone a reportagem do portal Revista Central conversou com a mãe do paciente, “fomos a Pedra Branca neste fim de semana e meu filho ao retornar apresentou sintomas de gripe, e por cuidado levei ao hospital para diagnostico, mas o bebê já foi liberado”.
Três médicos da Secretaria da Saúde do Estado viajaram no final da manhã desta terça-feira, 29, para Pedra Branca, município do Sertão Central que fica a 261 quilômetros da capital. Manoel Fonsêca, Dina Cortez e Afonso Bezerra, acompanhados da epidemiologista do Ministério da Saúde, Líbia Souza, fazem de perto o acompanhamento e monitoramento dos casos de gripe A H1N1 para reforçar as medidas de prevenção e controle.
Além de enviar a equipe de médicos, a Sesa mantém desde às 11 horas da manhã desta terça-feira, na porta do hospital municipal de Pedra Branca, uma ambulância completa, com UTI. A ambulância foi liberada como medida de prevenção. “Até agora todos os casos, no total de 428 notificados, são considerados leves e moderados, mas na possibilidade de agravamento de algum caso vamos garantir transporte sanitário e assistência em hospitais da região de maior porte ou mesmo na capital”, afirma o secretário da saúde do Estado, Arruda Bastos.
Matérias Relacionadas


Medicação
A medicação para os pacientes foi liberada para o hospital de Pedra Branca já na semana anterior logo após a confirmação dos 11 casos feita pelo Laboratório Central de Saúde do Estado na sexta-feira, 25. Na última segunda-feira, o estoque do medicamento foi reforçado, com o envio de mais 500 caixas para o hospital da cidade.
Lavar as mãos
Com a preocupação de orientar e alertar os profissionais de saúde no reforço da vigilância à doença, a Secretaria da Saúde do Estado lançou a Nota Técnica Influenza. Divulgou ainda nota orientando para o diagnóstico precoce e tratamento de casos suspeitos. Nas notas são destacados os sintomas da gripe A H1N1, como febre, tosse, coriza, dificuldade de respirar. Medidas de prevenção simples, como lavar as mãos com água e sabão, são lembradas com ênfase nas notas.


Fazemos parte da rede do Portal Revista Central - informação em tempo real com credibilidade. acesse: www.revistacentral.com.br

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...