Compre Agora

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Pesquisa no Ceará: Em consulta estimulada, Ciro vence Dilma Rousseff


Por encomenda do jornal O Estado, o Instituto Zaytec Brasil pesquisou a intenção de voto dos cearenses, nas eleições de 3 de outubro, para governador do Estado, senador e presidente da República. Ontem (8), o jornal publicou os resultados da pesquisa para governador do Estado, que indica uma possibilidade da disputa entre o governador Cid Gomes (PSB), caso confirme sua candidatura à reeleição, e o prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR), candidato assumido.
O Estado divulga hoje os números da disputa pela Presidência da República. Na consulta espontânea, quando os entrevistados podem indicar o nome que quiserem, o presidente Lula (PT), mesmo não sendo candidato, lidera a intenção de voto, com 25,4%. Em segundo lugar aparece o deputado federal Ciro Gomes (PSB), com 9,5%. Ele é seguido pela ministra da Casa Civil, Dilma Rouseff, que atinge 8,6%, e o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), com 5%. Nesta consulta, 47% dos entrevistados declararam não ter candidato ou não quiseram responder. Amanhã, será publicada a terceira e última parte da pesquisa sobre a intenção de voto para o Senado Federal.
Estimulada
O Instituto Zaytec Brasil realizou também duas consultas estimuladas, em que os eleitores devem escolher entre os candidatos apresentados. Na primeira destas simulações, que inclui Ciro Gomes, é ele quem lidera, com 41,7% das intenções de voto, seguido por Dilma Rousseff, com 22,5%, e José Serra, com 15,6%. Na segunda simulação, sem o nome de Ciro Gomes, José Serra passa a ocupar o segundo lugar, com 26,2% dos votos, enquanto Dilma mantém a liderança, com 33,6%.

Serra é o candidato com a maior rejeição entre os eleitores cearenses: 29,4% não votariam nele para presidente de jeito nenhum. Ciro Gomes é o candidato menos rejeitado: 12,1% dos entrevistados não votariam nele.
Registro e controle 
A pesquisa quantitativa foi realizada a pedido do jornal O Estado e registrada no Tribunal Regional Eleitoral, sob o Protocolo Nº 4309/2010 e no Tribunal Superior Eleitoral, Protocolo Nº 2385/2010. Foi feita no período de 16 a 19 de janeiro de 2010, a partir de um levantamento de dados por amostragem com adoção de um método probabilístico e com representação em nível do Estado. A amostra foi estabelecida tendo como referência o número de eleitores de cada município do Ceará e a partir de uma estratificação, por região administrativa, ou seja, Metropolitana, Litoral Oeste, Sobral Ibiapaba, Sertão dos Inhamuns, Sertão Central, Baturité, Litoral Leste / Jaguaribe e Cariri / Centro Sul. 
Tendo como referência o Anuário Estatístico do Ceará / 2008, são 184 municípios que compõem o Estado, agregando um conjunto de 5.645.315 eleitores (TSE-jul/2009). Neste contexto, procedeu-se a uma escolha aleatória de 30% do número de municípios de cada uma das Regiões Administrativas, citadas anteriormente, perfazendo um total de 57 localidades. Dando continuidade, a definição do painel deu-se a partir da aplicação de um coeficiente de sistematização para selecionar os municípios a serem pesquisados, compondo-se dessa forma um conjunto de 2.479.117 eleitores, ou seja, 43,91% do total do Estado do Ceará.

Para a realização da pesquisa utilizou-se uma equipe de entrevistadores e supervisores devidamente treinada para o trabalho. As entrevistas foram individuais e domiciliares, feitas por meio de questionário estruturado, aplicando-se apenas um questionário por domicílio, respeitando as quotas pré-determinadas. Durante e após os trabalhos de campo, os questionários foram submetidos a uma fiscalização, com filtragem de 100% dos questionários e checagem de 20% para atestar a realização das entrevistas, a adequação dos entrevistados aos parâmetros amostrais e a fidedignidade dos dados apurados, garantindo-se, dessa forma, o grau de precisão dos estimadores, em função dos parâmetros previamente estabelecidos.

Fonte: Jornal O Estado

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...