Compre Agora

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Imagens provam relação de Cid Gomes com escândalo


Governador aparece ao lado de Raimundo Morais Filho, preso por organizar esquema de corrupção conhecido por "Integração Cearense"
Na edição impressa desta semana, VEJA revela uma investigação da Polícia Federal que compromete a reputação do deputado Ciro Gomes (PSB-CE) e de seu irmão, o governador do Ceará, Cid Gomes. Seus nomes aparecem nos arquivos de um computador que pertencia ao empresário Raimundo Morais Filho. Neles, Morais Filho descreve o funcionamento de um esquema de corrupção chamado de “Integração Cearense”, que teria desviado 300 milhões de reais das prefeituras cearenses para as campanhas de Ciro a deputado e de Cid a governador. No computador, há, entre outras provas, uma cópia de um texto que Morais Filho pretendia negociar com o Ministério Público Federal a título de delação premiada (leia a íntegra do documento).
Em nota distribuída no dia 18, Cid Gomes afirma textualmente: “Nunca tive relacionamento com a pessoa mencionada pela matéria.” Fotografias obtidas por VEJA mostram Cid e Morais Filho juntos em duas ocasiões. Capturada em 2006, a primeira imagem registra Cid em um comício eleitoral na cidade de Madalena (veja foto abaixo). Morais Filho aparece atrás de Cid de camisa vermelha. O segundo registro foi feito em 17 de novembro do ano passado, na mesma cidade de Madalena. Na foto, Cid, Morais Filho e o deputado estadual Zezinho Albuquerque (PSB-CE), acusado de operar o esquema, aparecem juntos na cerimônia de assinatura da ordem de serviço da construção de um açude. Apenas vinte e um dias depois dessa solenidade, Morais Filho seria preso preventivamente pela Polícia Federal, que investiga o esquema.
O empresário Raimundo Morais Filho, de camisa vermelha, participa de comício do governador do Ceará, Cid Gomes, em 2006
Extraído do site da Revista Veja

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...