Compre Agora

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Nem Ki se Laske: Brasil: um país de “abestados”


Por Fábio de Oliveira


Estão fazendo o povo de palhaço
Eu não sei quanto a você, mas me sinto envergonhado com os últimos acontecimentos no Brasil e em especial no estado do Ceará. Prefeitos, ex-prefeitos, secretários, funcionários públicos, empreiteiros e outros agentes públicos envolvidos com escândalos de desvios, corrupção, improbidade administrativa, funcionários fantasmas, licitações fraudulentas, lavagem de dinheiro, ocultação de bens e valores, peculato, falsidade ideológica e formação de quadrilha. Ufa!

Gestores que deveriam cuidar do patrimônio das cidades delapidam a vista grossa o dinheiro do contribuinte que paga seus impostos altíssimos e não tem os serviços essenciais garantidos pela roubalheira geral nas administrações públicas. Já chagou a 68 os prefeitos envolvidos no Ceará com algum tipo de malversação do dinheiro público, mas esse número deverá se elevar pois estamos somente na ponta do iceberg, ou seja, no começo do que deverá ser investigado por suspeitas de corrupção que torna o país entre os mais corruptos do mundo.
Aqui no Ceará a coisa parece andar mais rápido, Procap tem feito um trabalho digno, coisa que o Tribunal de Contas dos Municípios – TCM tem conhecimento dos fatos absurdos e nunca fez nada para coibir as práticas ilegais e imorais nas prefeituras do Ceará e do Brasil. Está na hora de uma reviravolta e aplicar a lei para quem rouba o erário e sempre é mantido impune na maioria dos casos onde são verificadas contas irregulares. É de conhecimento público que essas licitações grande parte são jogos de cartas marcadas que beneficiam pessoas ligadas as administrações.
O Promotor de Justiça Luiz Alcântara, que integra a Procuradoria dos Crimes Contra a Administração Pública (Procap), disse o seguinte: “A corrupção no Ceará está generalizada. Outros grupos também agem e precisam ser debelados. (...)”. Essa afirmativa do procurador é preocupante, mas é preciso que a população possa endossar o belo trabalho da Procap e do Ministério Público do Ceará. Pela primeira vez estamos vendo prefeitos e gestores municipais corruptos sendo presos, sinal de que com trabalho sério está se fazendo justiça no estado do Ceará como exemplo para o resto do Brasil.
É preciso moralizar o Brasil, o povo brasileiro já não aguenta usar a máscara de palhaço. O título da coluna é muito forte “Brasil: um país de “abestados”, mas há muito tempo somos tratados como verdadeiros “abestados”, onde os politiqueiros fazem fanfarra com o dinheiro da população e não existem punições exemplares para os culpados de tantos desmandos que ocorrem no país. Um basta a tudo isso! Parabéns Procap e Ministério Público!
Fabio de Oliveira
Colunista
As opiniões aqui expressas não necessariamente coincidem com a da Revista Central


Fazemos parte da rede do Portal Revista Central - informação em tempo real com credibilidade. acesse: www.revistacentral.com.br

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...