Compre Agora

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Da UECE sem escrúpulos ao apagão rodoviário do Ceará


Estranhou-me o silêncio da imprensa acerca de alguns importantes temas. O concurso de professores do estado foi suspenso e não houve uma única matéria acerca das trapalhadas da SEDUC. O processo seletivo do concurso é obscuro, vago e demorado, cheio de incoerência e cuja credibilidade hoje é idêntica a um risco n’água. Estranho que os selecionáveis tenham que dar uma "boa aula" (Deus, o que é uma boa aula?), mas os terceirizados, largamente usados na gestão Cid, nunca tiveram que fazer isso... Vale lembrar que são esses mesmos tecnocratas da educação os que apóiam a idéia de remunerar os professores conforme o “rendimento” dos alunos, como se a educação fosse apenas uma questão de números.

A UECE, cada vez mais sucateada, mostra-se tão incompetente que não consegue realizar um vestibular, sem falar nos erros grotescos de suas questões. Mais patético foi a CCV dizer que não vai apurar as culpas pela anulação do vestibular. Como não vai apurar? Tem que apurar – ali tem dinheiro público! Com a educação cearense entregue a este tipo de gente, coitados de nossos jovens e crianças. Burocratas da SEDUC e da UECE: tenham um ato de grandeza e RENUNCIEM! Vocês não têm a mínima condição de estar no cargo que ocupam. Mas educação não é uma prioridade de Cid: o Ronda do quarteirão (de resultados pífios), o centro de convenções e o aquário dão mais visibilidade à reeleição quase certa do ex-prefeito de Sobral.

Outra coisa bisonha deste final de ano foi o caos na rodoviária, com o tratamento humilhante, filas quilométricas, confusão, choro e impaciência de milhares de pessoas. Apagão rodoviários no Ceará em decorrência de uma medida desastrosa dos Ferreira Gomes.O governador instituiu o monopólio dos transportes inter-municipais no estado. Um grupelho de empresário ficou com os serviços -- e os lucros!!! Por coincidência, apenas coincidência, logicamente, as empresas beneficiadas foram grandes doadoras de recursos para a campanha do governador. Alô, Ministério Público, acorda! Cadê a OAB? Cadê os "formadores de opinião"? Cadê os deputados? Ah, perdão, os nossos nobres parlamentares apóiam o governo... Esta foi uma das medidas mais vergonhosas tomadas por um governo cearense nas últimas décadas. Nem na época da Ditadura houve tal absurdo! Um feliz 2011 a todos, pois em 2010, ao que parecem, as coisas vão continuar na mesma. Infelizmente.
.
Por Airton de Farias.
Fonte: Revista Central com informações de (Rastreadores de Impurezas)

Nenhum comentário:

::: NOSSOS VÍDEOS

Loading...